Pular para o conteúdo principal

Medos, Golias e Davi...


Todos já ouvimos a história de Davi e Golias, quando o pequeno jovem hebreu venceu o gigante filisteu no campo de batalha. Apesar de distante no tempo e no espaço, esse relato tem muito a nos ensinar. Afinal, todos nós temos um Golias em nossas vidas e o conhecemos muito bem - seu jeito e ser, sua voz, seu andar. Ele nos provoca com contas que não podemos pagar, pessoas que não conseguimos agradar, hábitos que nunca deixamos, fracassos que não esquecemos e um futuro que evitamos. Mas, assim como Davi, também podemos derrubar nossos gigantes.
.
Concentre-se nos Gigantes - E você tropeçará.
Concentre-se em Deus - E seus gigantes tropeçarão.
.
Max Lucado - "Prefácio do livro - Derrubando Golias"
.
Tive o prazer de sábado, conhecer um dos meus autores de livros preferidos, Max Lucado, divulgando no Brasil, seu livro Sem medo de Viver. Foi uma experiência muito prazerosa, em poder conhecer um dos autores que toca muito no meu coração..
E falando de medos..ás vezes eles nos assombram, medo de nós, medo do novo, medo do velho, medo do estático, medo de mudanças e transformações que a vida nos sugere, nos impõe, nos implica..
Tenho os meus, e tem dias que parecem ser maiores que eu mesma, em outros, são vencidos pela forma que eu os fixo nos olhos..ou os fixo debaixo dos meus pés..
.
Nessa fotografia da menina olhando pela janela, me fala muito desse episódio onde se tem que deixar de lado o medo do que somos, do que podemos, do que temos que decidir, do que temos que chorar até, do que temos que transbordar até..inclusive sim. Os ciclos precisam terminar, os vales precisam ser vales somente, não podem ser um lugar de permanência em nossas vidas, precisa tão somente ser um lugar de passagem, de aprendizado. E se não o olharmos como tal, deixaremos de ganhar com isso maturidade, experiência e uma visão de águia, frente á nossa vida..
.
Os Golias sempre existirão, os medos também, mas a forma como deixamos ele permanecer em nós que faz toda a diferença. Eles podem por momentos nos fazer tremer dos pés á cabeça, nos fazer parecermos crianças frente aos medos noturnos, mas essa adrenalina toda que é provocada, é pro nosso bem..Tudo contribui..Quando assumimos que temos uma força interior sem igual, e que temos acima de nós, um poder imensurável de luta, de garra e de vivacidade..
.
Olhar pela janela, como essa menina da fotografia faz, é o que fazemos em determinados momentos, um amor que se foi, um emprego que se foi, um algo mais que se foi, inclusive a coragem..
Mas existe um mundo do outro lado da janela, e temos que vencê-lo..
.
Estava conversando com um amigo ontem, e ele me pediu um momento, porque acontecería uma reunião geral na fábrica que ele trabalha, do grupo Votorantim, que irá fechar algumas fábricas e o número de funcionários demitidos, ultrapassa a linha do imaginário, quase metade..
E ao voltar, ele me disse que foi muito trash, o modo dele se expressar, e como foi triste, até para os que não estavam na lista, saber que colegas queridos, muitos de anos, chefes de famílias, estaríam vivendo o terror do desemprego nos dias atuais..
Em um determinado momento, depois do anúncio, onde o silêncio imperou, depois que o Diretor Geral viu-se obrigado a dar uma notícia tão triste, perguntou se alguém tinha alguma dúvida...
Um senhor operário, simples em sua função, levantou a voz e disse..
.
_ "Eu gostaria em nome de todos, agradecer a empresa pelos momentos, por tudo que passamos aqui, pelos amigos... e, é importante lembrar que independente da religião de cada um, temos um DEUS único, vivo e a quem consagramos. E Ele é o senhor da nossa vida e a ele nos fortaleçamos nesse momento dificil por que a vida continua..."
E o silêncio foi rompido por soluços e aplausos..
.
Fiquei pensando em como a cada dia, temos desafios distintos, mas tão intensos para cada um de nós..
  • Medo de não ser importante
    Medo de desapontar a Deus
    Medo da escassez
    Medo de não saber como proteger seus filhos
    Medo de desafios arrebatadores
    Medo das piores hipóteses
    Medo da violência
    Medo do próximo inverno
    Medo dos momentos finais da vida
    Medo do que vem por aí
    Medo de que Deus não exista
    Medo das calamidades globais
    Me de Deus sair da minha caixa

.

Mas em todas essas coisas, confiança, fé, determinação, choro sim, choro sim, confiança, fé, e horizontes sendo rompidos, Golias sendo vencidos e sorrisos novos brotando em nossos rostos...

Beijos em todos...Olhando pra Deus, para que os golias venham a cair...

Chris...

Comentários

Lucas Lima disse…
Muito bom post
Me fez refletir bastante sobre nossos medos e coragens...
Bons dias
Bjs
Me permita disse…
Oi, bela Chris!! Desculpe a demora em te visitar, é que o tempo anda escasso! Senti tua falta... Tá lindo o seu blog! "O medo é realmente um gigante negro que pode nos paralizar..." É, talvez o mais difícil dos sentimentos! Não conseguiremos vence-lo sozinho, precisamos confiar em Deus, só lele nos dá a segurança de mirar bem em seus olhos e acertá-lo bem na fronte, como Davi fez em Golias! Quero-te mais vzs por meu espaço! Um bjo!
Assunto muito difícil, amiga conterânea. Afinal, Deus fez o homem a sua semelhança ou o homem criou Deus por uma imposição necessária? Um fato é verdadeiro: é difícil viver sem Ele.
Abraços, Chris. Belo texto.
Jorge
Paulo Tamburro disse…
CHRIS, que coisa bonita.

Êta texto impactante e parabéns por ter conhecido seu autor preferido (pensei que fosse eu,rsrs)e também, pelas mensagens em "pilulas" que você dá no final do post.

Só gostaria de me ater a foto da garota olhando a janela.

Sabe CHRIS, a maioria costuma ver exatamente a janela: sua moldura, sua cortina, se os vidros estão embaçados, enfim...

Na realidade, o grande segredo da vida é olharmos a vida ATRAVÈS da janela.

É uma pequena, porém decisiva opção existencial.

Aproveito pra comunicá-la que tenho um novo blog no ar que se chama: COMO ERA FÁCIL FAZER SEXO !!!, que de forma didática e pedagógiga(rsrs), aborda temas inerentes a esta saga da civilização humana: a sexualaidade.

Para ter acesso basta clicar, em qualquer um dos meus blogs, em: "VISUALIZAR MEU PERFIL COMPLETO" e lá em MEUS BLOGS, estarão os três à sua disposição.

Conto com você, mesmo CHRIS!

Um abração carioca.
O medo é o que me impede de fazer muitas coisas, acho que deveriamos discutir mais sobre ele e o quanto emperra nossa sociedade.

Beijossssssss com saudades.

Estava sumida, mas prometo volta.
Ariane Rodrigues disse…
Tbm falei de medo...Pelo visto, o tema é sempre oportuno...Abraço!
Mahria disse…
Meu anjo lindo
Q lindo post
Quando criança eu lia mto a bíblia
Essa de Davi e Golias sei de cor
Hoje adulta vejo o quanto posso tirar de lições nessa história...
Infelizmente há dias que Golias vence em minha vida...

Bjinhos!

Postagens mais visitadas deste blog

Borboletas (Mário Quintana)

Borboletas
(Mário Quintana)
Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de se decepcionar é grande.
As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as dela.
Temos que nos bastar... nos bastar sempre, e quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.
As pessoas não se precisam, elas se completam... não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida.
Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.
Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem gosta de você.
O segredo é n…

Há para Todas as coisas, um Tempo determinado por Deus.

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: . Há Tempo de nascer, e tempo de morrer; Tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou: . Tempo de matar, e tempo de curar: Tempo de derribar, e tempo de edificar: . Tempo de chorar, e tempo de rir: Tempo de prantear, e tempo de saltar: . Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras: Tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar: . Tempo de busca, e tempo de perder: Tempo de guardar, e tempo de deitar fora: . Tempo de rasgar, e tempo de coser: Tempo de estar calado, e tempo de falar: . Tempo de amar, e tempo de aborrecer: Tempo de guerra, e tempo de Paz. . Eclesiastes 3:1-8
Fotografia de Carol Silveiro http://www.flickr.com/photos/carolsilvestre/2943859815/

Troca-se pintinho por garrafa...rs

Retrospectivasdeinfância... . Era uma vez... Um carroceiro que passava gritando na rua: _ Trocam-se pintinhos por garrafa !!!! _Panela velha, ferro velho e garrafão. _Um garrafão vale 1 pintinho !!! . Quando ouvíamos isso, saíamos correndo gritando: _Mãe !!!! Me dá uma panela velha, um garrafão pra trocar pelo pintinho !!! Saíam as crianças todas da rua, cheias de panela, garrafas e ferro-velho para trocar pelos lindos pintinhos coloridos, de todas as cores e todos piando ao mesmo tempo, pra felicidade geral da criançada. . Eo carroceiro, muito malandramente, pegava uma quantidade que valeria no mínimo !!! uns 4 pintinhos, e na troca, só nos davam 1 ou no máximo 2 pintinhos. Mas, como éramos crianças, e não entendíamos de economia, um peso e duas medidas ou coisa do gênero.... Saíamos felizes da vida, uns com menos pintinhos, outros com uma caixa de papelão cheias deles, pra enlouquecerem as mamães. rsrs E as mães em pânico !!!! _Onde vamos botar tantos pintos ????? . Arrumávamos uma gaiola de passar…