Pular para o conteúdo principal

Dois amores...


Você ama João. E ama Jorge. E acha que está ficando louca.
Amenize este diagnóstico. É possível
– e nem tão raro assim – amar duas pessoas ao mesmo tempo.
Este “ao mesmo tempo” lhe dói, não lhe parece coisa de gente séria, mas lembre-se:
você ama de maneiras diferentes.
Ninguém possui o poder de saciar 100% outra pessoa.
Nesses vácuos é que nascem outros amores.
Você ama João e sua ternura, ama João e seu poder tranquilizante,
ama João e a segurança que ele lhe dá, ama João em baixa velocidade, ama João a passeio, apreciando a vista.
.
Jorge, ao contrário, é mais agitado, desperta em você ansiedade e adolescência,
você ama o que Jorge faz com você, e do jeito que faz:
com pegada, sedutoramente.
Você ama o que João tem de paz e o que Jorge tem de visceral,
você ama o que cada um deles lhe completa.
O normal seria isso, amarmos mais de um para alcançarmos integralmente a nós mesmos,
mas a regra é clara: não mesmo.
Se vire com um só.
E a gente obedece, reza, livrai-nos de todo mal, ó Pai.
Escolhe um, o ama, mas sente falta de si mesmo,
de desenvolver um outro lado que este amor único não atinge.
Separa, casa de novo, agora é outro amor, ama, e ainda não se sente totalmente preenchida.
.
Um dia acontece: dois amores.
Um mais constante, outro de vez em quando.
Um amor adulto, outro divertido.
Um amor de infância; o outro, de aventura.
Tudo isso existe, persiste, insiste em acontecer.
Tudo por baixo dos panos, tudo velado, mentido,
confessado apenas nos consultórios de analistas e nas mesas de bar,
entre amigos de muita confiança.
.
Será que algum dia poderemos falar disso abertamente,
em voz alta, fora dos livros, do cinema, na vida quotidiana da gente?
Enquanto ninguém se atreve, mulheres e homens
que atravessaram a fronteira da monogamia seguem felizes da vida
– e infelizes da vida.
.
(Martha Medeiros)

Comentários

Raiane disse…
Oi..eu te mandei um e-mail..me responda por ele ta..bjs
Luciana disse…
Eu já vivi isso,e na época me achava doida,malucona.Como?Como gostar de duas pessoas?Como eu estava sendo tão egoísta?Tinha ,edo daquela célebre frase "Quem tudo quer nada tem" e na verdade nem sei se isso não é verdade...
Mais que isso é mais comum do que pensamos,ah isso é!!!
Amiga do Cafa disse…
É tão complicado amar uma pessoa. Imagina , duas. Isso pode até acontecer. Mas se eu já percebo uma pequena dúvida, escolho uma e caio fora da hora.
Aiiiiiii amar é desgaste de energia.
Gosto da Martha Medeiros.
Gostei do seu blog.
Não sou muito de assinar embaixo os textos da Martha Medeiros. Tem momentos que ela fantasia muito,e se considera a dona da verdade da vida. mas nesse ela tem razão. Digo mais, ama Jorge, ama João, ama Maria, ama Pedro, ama Joana.....
E vai amando, faz de si um parque de diversões com entrada grátis( ou não )
E brinca em todos os brinquedos.
Chris,

Lindo o post,com um tema empolgante.
Fenomenal a crônica da Martha Medeiros,sempre corajosa e inteligente.

Beijos carinhosos.

Postagens mais visitadas deste blog

Borboletas (Mário Quintana)

Borboletas
(Mário Quintana)
Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de se decepcionar é grande.
As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as dela.
Temos que nos bastar... nos bastar sempre, e quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.
As pessoas não se precisam, elas se completam... não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida.
Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.
Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem gosta de você.
O segredo é n…

Há para Todas as coisas, um Tempo determinado por Deus.

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: . Há Tempo de nascer, e tempo de morrer; Tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou: . Tempo de matar, e tempo de curar: Tempo de derribar, e tempo de edificar: . Tempo de chorar, e tempo de rir: Tempo de prantear, e tempo de saltar: . Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras: Tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar: . Tempo de busca, e tempo de perder: Tempo de guardar, e tempo de deitar fora: . Tempo de rasgar, e tempo de coser: Tempo de estar calado, e tempo de falar: . Tempo de amar, e tempo de aborrecer: Tempo de guerra, e tempo de Paz. . Eclesiastes 3:1-8
Fotografia de Carol Silveiro http://www.flickr.com/photos/carolsilvestre/2943859815/

Troca-se pintinho por garrafa...rs

Retrospectivasdeinfância... . Era uma vez... Um carroceiro que passava gritando na rua: _ Trocam-se pintinhos por garrafa !!!! _Panela velha, ferro velho e garrafão. _Um garrafão vale 1 pintinho !!! . Quando ouvíamos isso, saíamos correndo gritando: _Mãe !!!! Me dá uma panela velha, um garrafão pra trocar pelo pintinho !!! Saíam as crianças todas da rua, cheias de panela, garrafas e ferro-velho para trocar pelos lindos pintinhos coloridos, de todas as cores e todos piando ao mesmo tempo, pra felicidade geral da criançada. . Eo carroceiro, muito malandramente, pegava uma quantidade que valeria no mínimo !!! uns 4 pintinhos, e na troca, só nos davam 1 ou no máximo 2 pintinhos. Mas, como éramos crianças, e não entendíamos de economia, um peso e duas medidas ou coisa do gênero.... Saíamos felizes da vida, uns com menos pintinhos, outros com uma caixa de papelão cheias deles, pra enlouquecerem as mamães. rsrs E as mães em pânico !!!! _Onde vamos botar tantos pintos ????? . Arrumávamos uma gaiola de passar…