Pular para o conteúdo principal

Mãos de homens... como usar ?

O Homem que ama
segura a mão e anda....
.
O Homem que ama
encomenda os sorrisos da amada
de formas variadas
surpreende com seu amor...
.
O Homem que ama
não precisa sempre ser dado á poesia,
mas tem que ter ginga
pra conquistar todo dia
sua menina
sua pequena
sua mulher...
.
Ele segura suas mãos e com ela anda...
pra não deixá-la sentir-se só
.
Homem que ama não aprende à bater,
Aprende a fazê-la gemer
fazê-la feliz, princesa ou meretriz dele mesmo.
.
O Homem que luta, não bate, aprende a amar...
O Homem que tinge seu rosto de violência
Não podería nem do nome Homem, se chamar...
.
Os Covardes, lançam seus temores e por serem fracos
fazem de suas mulheres "presas" com medo e pavor.
.
O que um dia começou andando...
ser permite outros verbos a usar...
empurrar...
chutar...
bater...
violentar...
matar.
.
solta a mão
de quem um dia amou
.
Vira monstro, preso e despido
do cargo de protetor
.
Estende as mãos e não mais encontra as dela pra segurar...
encontra algemas pra amarrar
rumo á prisão
dos verbos maldidos que aprendeu
a usar...
.......
Dia 06 de Dezembro
Mobilização dos homens para o fim da violência contra a mulher
.......
Um obrigada, um forte aplauso, uma poesia, uma canção, uma rima, um verso, uma arte, um desenho feito, uma flor, uma comidinha gostosa, um denguinho carinhoso, aos homens que sempre seguraram nossas mãos...
e nunca levantaram as suas, acima da cabeça.
.
Obrigada aos gentis...
Aos lutadores de um grande amor
Obrigada aos homens fortes
que com belas flores nos presenteiam...
Obrigada aos homens que fazem de sua força
a nossa maior fraqueza
O amor.

Comentários

HSLO disse…
Nossa que ótima postagem viu...gostei muito. Parabéns.

Abraços
Postagem lindissima amiga.

NÂO A VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER.

Obrigada pela força amiga.

bjs.
janelasdavida disse…
Oi, amiguinha! Como estão os teus dias? Os meus, muito corridos, fim de ano já sabe... rs Adorei o poema! Pode deixar, vou tentarnão demorar pra postar...

Um beijo!

ps. Vc é linda!
R.Vinicius disse…
Aplausos ao post. Como dizia Nelson Rodrigues - "Uma bofetada é um crime inapelável."

Homem algum deveria bater em mulher e como a senhorita disse, alguém que faz isso nem de homem deve ser chamado.

Abraço,

R.Vinicius
Belo post. É bom ver o modo como vc escreve. Como vc coloca o que sente. Gosto de vir aqui.
Tenha um belo e feliz domingo Sempre.
Maurizio
O Profeta disse…
Este Mar que beija a Ilha
Traz de longe sonhos perdidos
Adormece na areia e deixa
Na espuma mil e um segredos

Meus sonhos são estrelas que semeio no espaço
São corpo nu que vagueia pela saudade
Brotam e correm para o Mar
Enfrentam a dor a tempestade



Bom domingo



Doce beijo
kamala disse…
tenha um bom dia !
good vibe
kamala disse…
para me acompanha vc tem q ir la em baixo de todas as fotos!!
la no final
bjd
Flor ♥ disse…
Lindissima postagem! Parabéns!

Estou passando para lembrar sua participação na Blogagem Coletiva “Interlúdio com Florbela”, amanhã segunda-feira, dia 8 de dezembro. Noventa Blogs se inscreveram para participar, e como agradecimento pelo carinho de todos esses blogueiros, criei um espaço onde vou publicar todos os posts da Blogagem Coletiva, bem como o respectivo link do blog... Dá uma passadinha prá ver como vai ser, e aproveita para imaginar como vai ficar lindo o seu post por lá!

Ah... e lembre-se: são 90 blogs participantes... pode ser que não consiga publicar o seu post logo na segunda-feira, mas vou fazer o possível para que, até terça-feira todos estejam postados...

Espero que goste!
Beijos!


http://interludioemflorcomflorbela.blogspot.com/
oi como vai?
lindo o texto amei
fique com Deus linda mulher bjimmmmmmmmmm !
Marcos Freitas disse…
Uma forma de violencia medonha, ridiculo, que tem q acabar.
Tatiana disse…
Lindíssimas palavras.
Todos os homens deveriam ler!

Vim lhe desejar uma semana repleta de dádivas!

Um abraço carinhoso!

Beijinhos
Carla Sofia disse…
Extraordinário poema. Adorei! Sim, as mãos de homens devem ser usadas para nos segurar da queda e para nos acariciar.
Beijinho e um sorriso
Flor ♥ disse…
Bom dia, meus queridos!

Chegamos ao grande dia da Blogagem em homenagem a Florbela Espanca.

Tanto ansiei por este dia, e eis que, por caprichos do acaso, desde sábado estou com problemas sérios de conexão, e hoje estou aqui graças ao PC de uma Lan House... Cheia de vontade de ler os seus posts, que tão carinhosamente estão sendo publicados, mas por hora impossibilitada... A presença do técnico está marcada para hoje às 16.00 h. Espero que tudo volte ao normal para que possa, além de me deliciar com as suas postagens, publicá-las no Interlúdio com Florbela, como uma pequena forma de agradecer pelo carinho de vocês... Conto com a compreensão de todos... Beijos!

Flor ♥

Postagens mais visitadas deste blog

Borboletas (Mário Quintana)

Borboletas
(Mário Quintana)

Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de se decepcionar é grande.
As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as dela.
Temos que nos bastar... nos bastar sempre, e quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.
As pessoas não se precisam, elas se completam... não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida.
Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.
Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem gosta de você.
O segredo é n…

Há para Todas as coisas, um Tempo determinado por Deus.

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: . Há Tempo de nascer, e tempo de morrer; Tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou: . Tempo de matar, e tempo de curar: Tempo de derribar, e tempo de edificar: . Tempo de chorar, e tempo de rir: Tempo de prantear, e tempo de saltar: . Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras: Tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar: . Tempo de busca, e tempo de perder: Tempo de guardar, e tempo de deitar fora: . Tempo de rasgar, e tempo de coser: Tempo de estar calado, e tempo de falar: . Tempo de amar, e tempo de aborrecer: Tempo de guerra, e tempo de Paz. . Eclesiastes 3:1-8
Fotografia de Carol Silveiro http://www.flickr.com/photos/carolsilvestre/2943859815/

Troca-se pintinho por garrafa...rs

Retrospectivasdeinfância... . Era uma vez... Um carroceiro que passava gritando na rua: _ Trocam-se pintinhos por garrafa !!!! _Panela velha, ferro velho e garrafão. _Um garrafão vale 1 pintinho !!! . Quando ouvíamos isso, saíamos correndo gritando: _Mãe !!!! Me dá uma panela velha, um garrafão pra trocar pelo pintinho !!! Saíam as crianças todas da rua, cheias de panela, garrafas e ferro-velho para trocar pelos lindos pintinhos coloridos, de todas as cores e todos piando ao mesmo tempo, pra felicidade geral da criançada. . Eo carroceiro, muito malandramente, pegava uma quantidade que valeria no mínimo !!! uns 4 pintinhos, e na troca, só nos davam 1 ou no máximo 2 pintinhos. Mas, como éramos crianças, e não entendíamos de economia, um peso e duas medidas ou coisa do gênero.... Saíamos felizes da vida, uns com menos pintinhos, outros com uma caixa de papelão cheias deles, pra enlouquecerem as mamães. rsrs E as mães em pânico !!!! _Onde vamos botar tantos pintos ????? . Arrumávamos uma gaiola de passar…